Eclesiastes 11.1: Lance o pão sobre as águas, e depois de muitos dias o encontrará

Você sabe o que significa “lançar o pão sobre as águas?

Qual é o pão que você está comendo hoje? Que desafios você está enfrentando? Você está precisando tomar alguma decisão importante em sua vida? Você tem medo de usar algo hoje e passar por alguma dificuldade no futuro? Mesmo sob diferentes circunstâncias, o povo de Deus antigamente, também sentia os mesmos medos, as mesmas inseguranças e dúvidas, como você.

O pão, no livro de Eclesiastes, é o trigo ou sementes de cevada, que eram as mais comuns na época. Esses agricultores enfrentavam grandes dificuldades porque viviam em áreas desérticas, onde a terra era muito dura e seca, por isso o alimento era uma escassez. Segundo os arqueólogos, quase 80% das terras no Oriente Médio não eram boas, por isso as pessoas acabavam quase sempre ficando sem comida.

A prática deles é a seguinte: primeiro, eles devem preparar a terra e plantar as sementes, mas isso só era possível quando chovia, o que era outra questão. Na época chovia apenas duas vezes, entre março e abril, e depois chovia apenas em outubro. Quando finalmente a chuva aparecia, era a hora de “espalhar as sementes na água da chuva”, já que a terra ficaria mais macia amolecida e possibilitaria um bom plantio.

Geralmente, aquelas pessoas tinham que escolher entre guardar as sementes que seriam transformadas em farinha, para depois fazer pão ou escolher semear, durante a estação chuvosa para uma colheita futura. Acontece que em tempos de escassez, abrir mãos das sementes pode significar um período de fome. Portanto, aquela era uma decisão muito difícil.

É por isso que aquelas pessoas comemoram quando chegava a época da colheita, era um motivo de muita alegria, pois nascia a esperança de que teriam alguma coisa para comer. Se a colheita fosse prazerosa, todos iriam ter comida até a próxima temporada.

Não é fácil desistir do pão. Isso é uma questão de fé. Uma pessoa com uma família pode pensar: E se eu plantar a última semente e não chover? Deus ainda é o mesmo que “envia a chuva na hora certa”.

A provisão de Deus em todas as áreas da vida, é a razão da nossa sobrevivência. Todos nós devemos confiamos nele! Embora nem todos percebam isso, mas a palavra de Deus não mudou e continua sendo a mesma.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Cris Si

Escrevo vários tipos de conteúdo, mas gosto muito de escrever notícias sobre famosos, histórias de superação e testemunhos.